Especial

O medo e a violência como ameaças à democracia brasileira

O medo da violência cresceu no Brasil entre 2017 e 2022 e com ele houve um incremento no nível de agressividade presente na sociedade, que tem recorrido à violência como instrumento de resolução de conflitos, inclusive na arena política

David Marques , Marina Bohnenberger e Isabela Sobral

Newsletter

Cadastre e receba as novas edições por email

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

EDIÇÕES ANTERIORES